Dicas

6 dicas sobre como desenhar a planta da sua própria casa

Escrito por WD2 Containers

Ter a própria casa ainda é o sonho de muitas pessoas. Um espaço aconchegante e adequado às suas necessidades não tem preço, não é mesmo? Poder relaxar em um quarto feito para você e distribuir os móveis com eficiência só é possível quando você planeja muito bem as suas decisões.  

É muito importante que você se prepare antes de tomar qualquer de atitude, ainda mais se você deseja aprender como fazer planta de casas. Muitos têm dificuldades nessas horas, pois não atuam no ramo da construção civil. Porém, não há muito com o que se preocupar.

Atualmente, as tecnologias oferecem várias ferramentas que são de grande ajuda. A internet facilita o acesso ao conhecimento e derruba as fronteiras do aprendizado.

Pensando nisso, este post vai mostrar 6 dicas que você deve colocar em prática na hora de construir uma casa. Acompanhe!

1. Faça um esboço no papel

O computador é um equipamento essencial para o sucesso de uma obra. Essa máquina fornece opções e softwares que ajudam no desenvolvimento de projetos e orçamentos. Apesar disso, uma grande ideia precisa ser colocada no papel em um primeiro momento.

Pense que você está a caminho do trabalho e imagina o layout ideal para o seu quarto. Provavelmente, você não terá um computador à sua disposição para iniciar o desenho, certo? Além disso, você pode mudar de ideia ou até mesmo aprimorá-la com o tempo.

Dessa forma, um simples esboço pode ajudá-lo a encontrar uma solução ecologicamente correta ou que saia do padrão. Anote todas as ideias e sempre as guarde em um lugar acessível. Por mais que você ainda não tenha as condições financeiras para iniciar a obra por agora, elas poderão ser utilizadas em um futuro bem próximo.

2. Utilize programas gratuitos de desenho arquitetônico

O uso de tecnologias revolucionou a forma de como fazer planta de casas. Já existem programas de computador gratuitos, que são acessíveis para qualquer um interessado no assunto.

O Sketchup é um software profissional e não é recomendado para pessoas leigas ou que nunca tentaram desenhar uma planta, já que ele é tridimensional. Apesar disso, ele apresenta uma interface intuitiva e de fácil manuseio. Após pesquisar alguns tutoriais e ver vídeoaulas, você tem tudo para colocar a mão na massa.

Já o FloorPanner é uma opção mais simples, mas muito robusta. Ele é um aplicativo online, que não exige download ou instalação. Essa ferramenta é utilizada para o desenho de plantas baixas, facilitando a interação com o usuário. Basta arrastar os objetivos e soltá-los onde você deseja colocá-los.  

O HomeStyler funciona de maneira relativa ao exemplo anterior, porém, com uma grande diferença: ele tem uma galeria de projetos já criados por outras pessoas. Com isso, é possível reutilizar alguma ideia e achar novas maneiras de como desenhar planta de casas.

3. Posicione os cômodos corretamente

O mercado de imóveis é vasto e tem várias opções, tornando a escolha de um guarda-roupa ou uma cama uma situação complicada. É comum ficar com dúvidas e não conseguir escolher apenas um só. Contudo, o posicionamento dessas peças influencia na forma como você aproveita a sua residência.

Se você tem pouco espaço, opte por um sofá pequeno, por exemplo. Já o seu quarto não é apenas um ambiente para dormir, mas também um local para se recuperar de um longo dia de trabalho e se desligar do mundo externo. Assim, você pode colocar um banco ou uma poltrona para ler um livro ou conversar com alguém.

A definição de cada elemento deve ser feita de acordo com os seus gostos, portanto, aproveite todo o espaço disponível.

4. Pense na ventilação

O Brasil é um país tropical com altas temperaturas durante todo o ano. Para aprender como fazer planta de casas, você precisa ficar atento à ventilação em sua residência. Esse critério ajuda a criar um ambiente confortável e sustentável.

Não pensar nesse assunto resulta no aumento da conta de energia elétrica, porque os ares-condicionados precisarão ficar ligados o tempo todo. Por isso, analise os ventos locais e coloque portas e janelas nos lugares corretos.

5. Agrupe as áreas molhadas

Os gastos de uma obra colocam em risco o equilíbrio de seu orçamento financeiro. Vários itens são utilizados na construção de uma residência: cimento, areia, água e gesso. O preço de cada um deles varia de acordo com a localização do canteiro e os fornecedores que você encontra.

As instalações hidráulicas representam de 7% a 11% das despesas totais. Esses valores são altos, mas é possível utilizar artifícios para reduzir os impactos que eles causam.

Banheiros, cozinhas e áreas de serviço são chamados de “áreas molhadas”. Quando eles são adjacentes, ou seja, dividem uma mesma parede, você economiza na compra de tubulações e peças hidráulicas, tornando a obra mais econômica.

Não se esqueça de posicionar a caixa d’água em um local estratégico, perto das áreas molhadas, pois a pressão da água será maior e a despesas com tubulações para a distribuição menor.

6. Busque ajuda especializada

Colocou tudo em seu devido lugar e já começou a se imaginar morando na planta desenhada? A fim de garantir a segurança, a estabilidade da estrutura e o correto funcionamento dos sistemas, é necessário pedir a ajuda de engenheiro ou arquiteto.

Esses profissionais são especialistas na construção civil e capazes de indicar alterações que melhoram o desempenho do projeto. O posicionamento das janelas, por exemplo, pode não estar adequado ou o afastamento do terreno pode estar fora dos padrões estipulados pela prefeitura de sua cidade.

Quem resolve essas questões antes de iniciar as atividades do canteiro evita dores de cabeças no decorrer dos trabalhos. Além do mais, é possível reduzir os custos e conseguir as documentações necessárias com mais facilidade.

Então, faça uma pesquisa de mercado e encontre uma empresa com experiência, formada por uma equipe competente e pronta para solucionar todos os seus problemas.

Aprender como fazer planta de casas é uma tarefa difícil. É preciso conciliar fatores financeiros e construtivos para alcançar os objetivos desejados. Dessa forma, é essencial planejar a planta da residência a ser executada. Este post mostrou seis dicas para você aprimorar as suas ideias e construir uma moradia ou acrescentar um cômodo em uma estrutura existente.

Gostou do nosso conteúdo? Acha que ele pode ser valioso para seus amigos e colegas de trabalho? Então, compartilhe-o em suas redes sociais e espalhe o conhecimento!

Sobre o autor

WD2 Containers

Deixar comentário.